Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

7 poemas de Tadeusz Różewicz (1921-2014)

Tadeusz Różewicz em Radomsko, Polônia, em 1921. Escreveu prosa, teatro e poesia. Combateu a Alemanha nazi entre 1943 e 1944. No final da guerra, estudou na Faculdade de História de Arte, em Cracóvia. Segundo Fernando Presa González, seu tradutor do polaco para castelhano, Różewicz abriu caminho a “uma poesia quase desprovida de artifícios estéticos, carente de rima, de pontuação, muito pouco dada à metáfora e muito a favor de uma linguagem direta e da imagem real. (...) Marcado pela guerra, o cepticismo de Różewicz alcança uma cota tal que chega a afastar-se de valores muito enraizados na sociedade polaca como a religiosidade e o patriotismo. (...) A mentira abarca tudo, inclusive ele mesmo, que se sabe transformado, filho da guerra e do ódio, produto de um tempo sob o signo da ira e da morte.”
P O E M A S

Quem é o poeta

Poeta é aquele que escreve poemas
e aquele que não escreve poemas

poeta é aquele que arrebenta grilhões
e aquele que coloca grilhões em si próprio

poeta é aquele que cr…

Últimas postagens

Blogue Língua alheia

Charles Bukowski

Roberto Bolaño

Tishani Doshi

José Antônio Cavalcanti

Adela Zamudio

Leopoldo María Panero